Núcleos

(Foto: Bruno Antunes)

NÚCLEO FORMAÇÃO DE ATORES:

(Nível Básico)
_Oficina de Montagem
com Fernando Kike Barbosa e Liane Venturella (Professora Assistente).
Este curso é aberto a qualquer pessoa que queira exercitar seu potencial criativo e comunicativo, trabalhando a desinibição e a expressividade ou uma vocação explícita para as artes cênicas (teatro, cinema e televisão). Proporciona no final do curso uma montagem, colocando os alunos em seu primeiro contato com o público.

_Experimentos em Teatro (a partir de 15 anos) com Adriano Basegio,  Jezebel de Carli e Tatiana Vinhais (Nível  Básico/Intermediário). O aprendizado da construção teatral, como ponto de partida e abordagem de temáticas: “O Jogo”, “As profissões”, “O esporte”, “Os meios de comunicação: Tv, Rádio, Jornal”, entre outras.

(Nível Intermediário)
_Formação de Atores
com Jezebel de Carli, Fernando Kike Barbosa, Adriano Basegio e Marcelo Adams. Curso de Qualificação Profissional oferece um currículo rico e dinâmico que enfatiza o aspecto prático da atividade teatral, reconhecido pelo Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do Estado do Rio Grande do Sul- SATED/ RS. Esta característica submete o TEPA a uma permanente fiscalização e orientação do SATED/RS, no que diz respeito ao preenchimento de exigências administrativas requisitadas pelas autoridades competentes. O aluno participa de uma Montagem de Conclusão, com tratamento profissional, onde este entra em contato com todos os estágios do processo criativo e de produção: texto, roteiro, cenário, figurino, iluminação, criação de trilha sonora, etc. Este trabalho é orientado pelos professores e objetiva criar um espaço onde o aluno possa exercitar as técnicas e conceitos apreendidos.

(Nível Avançado)
Tepa Residências Artísticas recebe CIA Rústica em “Matérias da Cema – Linguagens Festivas”

Coordenação geral: Patrícia Fagundes
Ministrantes: Patrícia Fagundes, Lisandro Bellotto, Marina Mendo, Heinz Limaverde e Simone Rosslan.
Curso de Aperfeiçoamento em Teatro, com montagem final, inaugurando o Projeto TEPA Residências Artísticas, que tem por objetivo proporcionar o contato do aluno com os procedimentos colaborativos de pesquisa e criação de grupos e Cias Teatrais de reconhecido mérito. O curso é dividido em 4 módulos, os 3 primeiros podem ser cursados isoladamente, porém para participar da montagem final o aluno deverá obrigatoriamente ter cursado o 3°módulo e um dos dois módulos iniciais. Conclusão da qualificação profissional para antigos alunos do Formação de Atores,também é aberto a alunos/atores de nível intermediário/avançado.
Este trabalho está fundamentado nos princípios da “Ética da Festividade na criação Cênica”, que guiam as propostas de linguagem e metodologia desenvolvidas pela Cia Rústica. Uma ética do encontro e da diversidade, que celebra o corpóreo, o prazer e o próximo, compreendendo o teatro como um sistema de relações, um dispositivo que provoca e administra encontros. Desde tal perspectiva, ética e estética não são forças opostas, e sim indissociáveis. O aspecto coletivo, imediato e concreto da criação teatral é reconhecido e valorizado, em uma metodologia que assume o prazer, a multiplicidade, a cumplicidade, o risco e o ridículo como fluxos fundamentais; compondo a partir da experiência sensível,do lúdico,do improvável e do contraditório.


CURSOS LIVRES:

_Iniciação Teatral as segundas (noite – a partir de 15 anos) com Adriano Basegio e Sofia Schul.
Direcionada ao público iniciante o curso irá trabalhar os pontos básicos para o entendimento do jogo teatral e da construção da cena: cumplicidade, objetivo, organização espacial, estrutura narrativa. Na última aula, será realizada uma apresentação de cenas desenvolvidas durante o curso. O local será o palco da escola e o evento é aberto a amigos, familiares e convidados.

_Iniciação Teatral Quartas (noite – a partir de 15 anos) com Joana Isabel.
Este curso é direcionado para todas as pessoas interessadas em aprender a arte teatral. Durante as aulas serão desenvolvidas atividades de consciência corporal e percepção do espaço, exercícios de expressão e criação vocal, brincadeiras e jogos de desinibição e integração. A construção da cena teatral e a abordagem de personagens serão desenvolvidas a partir de jogos teatrais e improvisações. No último encontro será realizada uma aula aberta a convidados com apresentações de cenas.

_Teatro aos Sábados (a partir de 15 anos) com Kike Barbosa
Dirigida ao público iniciante, exercita a expressividade e criatividade com técnicas de relaxamento, sensibilização, desinibição, expressão corporal e improvisação. Não tem montagem de conclusão.

_Iniciação Teatral Terças (tarde – a partir de 15 anos) com Joana Isabel.
Este curso é direcionado para todas as pessoas interessadas em aprender a arte teatral. Durante as aulas serão desenvolvidas atividades de consciência corporal e percepção do espaço, exercícios de expressão e criação vocal, brincadeiras e jogos de desinibição e integração. A construção da cena teatral e a abordagem de personagens serão desenvolvidas a partir de jogos teatrais e improvisações. No último encontro será realizada uma aula aberta a convidados com apresentações de cenas.

_Expressão e criatividade – Teatro para o desenvolvimento pessoal e profissional, com Adriano Basegio e Joana Isabel (noite e tarde). Direcionado a não atores, empresários, professores, etc. ou todo aquele que queira exercitar seu potencial expressivo e comunicativo. Busca promover a espontaneidade, a comunicação, a expressividade corporal e vocal, a desinibição e o relaxamento a partir de jogos e exercícios teatrais.

_Iluminação Cênica, da Técnica àCriação – com Luiz Acosta. O TEPA tem o orgulho de promover o 1º Curso Técnico de Formação de Iluminadores e Técnicos em Iluminação do estado, ministrado por um dos mais importantes nomes da Iluminação Cênica gaúcha e com mais de 35 anos de experiência na profissão, o renomado Luiz Acosta. Será um Curso prático/teórico com o objetivo de preparar novos artistas e técnicos da iluminação cênica bem como instrumentalizar e aprimorar o trabalho de profisisonais já atuantes na área. O trabalho irá abarcar os principais pontos da arte da iluminação cênica traçando um olhar sobre sua história e a aplicação pratica/teórica dos fundamentos do ofício do iluminador, tais como: técnica, estética, equipamentos, estilos, composição, criação, documentação, montagem e operação , além de aspectos como segurança no trabalho, ética profissional e legislação. A proposta do curso é tecer uma cartografia da iluminação artistica e da profissão do iluminador, preparando os alunos para uma abordagem direta ao mercado de trabalho.

NÚCLEO INFANTO JUVENIL:

O Núcleo Infanto-juvenil do TEPA tem como proposta o desenvolvimento das qualidades expressivas e dramáticas do aluno,  o reconhecimento de suas capacidades pessoais explorando ao máximo o potencial criativo e comunicativo de cada um, respeitando as características próprias de cada etapa. O Núcleo oferece cursos para crianças e jovens entre 3 e 14 anos de idade, organizados em diferentes turmas de acordo com a faixa etária do aluno

Para os menores (de 4 a 6 anos) a proposta é desenvolver a criatividade e a imaginação por meio de brincadeiras de faz-de-conta. Os elementos lúdicos e o estímulo ao desenvolvimento da expressão através de recursos do teatro, música, poesia, rudimentos de acrobacia e artes plásticas são os principais ingredientes dessas aulas.

A turma intermediária (de 7 a 11 anos) é subdividida em dois módulos: iniciação teatral e montagem. Na primeira etapa o foco está na aproximação do aluno com elementos teatrais através de jogos dramáticos e criação de pequenas cenas. À medida que a criança evolui em prol da socialização, ela passa a segunda etapa, o Módulo de Montagem, no qual o trabalho do grupo volta-se a criação e apresentação de uma pequena peça teatral. Neste etapa o aluno terá contato também com outros elementos do Teatro como composição de figurino, cenografia e adereços com foco na apresentação.

Para os pré-adolescentes (de 12 a 14 anos) também são oferecidos os Módulos Iniciação e Montagem. Nesta fase, no entanto, após a apropriação dos elementos fundamentais do teatro no Módulo Iniciação, os jovens têm a oportunidade de vivenciar no Módulo Montagem uma temporada teatral, apresentando seu trabalho para variados públicos tanto dentro do TEPA como em distintos espaços da cidade ( escolas, associações, clubes,…).

_Teatro para Pequeninos Sábados (03 a 06 anos) com Pâmela Amaro.
Esta oficina permite à criança descobrir que o seu mundo próprio, repleto de brincadeiras e imaginação, pode ser a porta para criar cenas, colocando em ação seus jogos e sua criatividade. A criança descobre que estar em cena pode ser uma diversão, despertando o prazer de uma grande brincadeira.

_Iniciação teatral Infantil
Módulo I_
(07 a 11 anos) com Gyan Celah.
Uma viagem rumo ao universo lúdico. A oficina permite aos alunos o exercício do faz-de-conta desenvolvendo sua expressão e criatividade. Através de jogos dramáticos, sensibilização e criação de cenas os alunos transformam o fazer teatral numa divertida brincadeira.
Módulo II_(07 a 11 anos) com Gyan Celah.
Com uma orientação cuidadosa, proporciona o contato da criança com o universo cênico e contribui para o desenvolvimento de seu potencial criativo, exercitando a imaginação através da abordagem de personagens e de pequenas cenas teatrais que resultarão em uma montagem de conclusão.

_Teatro para Crianças (7 a 11 anos) com Sofia Ferreira
Um trabalho especializado que permite ao aluno explorar e sensibilizar a capacidade expressiva de seu corpo e sua voz; um espaço de criação e descobertas e um importante veículo de comunicação; um local prazeroso, divertido e mágico, onde o aluno pode colocar em jogo todas as suas idéias e fantasias; um momento de espontaneidade, liberdade, cumplicidade, informação e conhecimento. Jogos, brincadeiras, sensibilização e desinibição, música e ritmo, improvisações, dramatizações, exercícios corporais e vocais, criação de cenas e personagens.

_Montagem Pré-Adolescente (13 a 16 anos) com Heloísa Palaoro (QUINTA-FEIRA)
Esta oficina permite ao pré-adolescente descobrir que o seu mundo próprio, repleto de brincadeiras e imaginação, pode ser a porta para criar cenas, colocando em ação seus jogos e sua criatividade. Estar em cena pode ser uma diversão, despertando o prazer de uma grande brincadeira.

NÚCLEO DE CINEMA E TV:

(Nível Básico)
_Iniciação Cinema e TV
(a partir de 14 anos) com Joana Isabel, Rafael Guerra e Vicente Schereder.
Curso direcionado aos alunos interessados em desenvolver os princípios básicos das técnicas para tv. Durante as aulas serão realizadas atividades que promovam a descoberta e o experimento das habilidades necessárias para a prática de atuação audiovisual do aluno, tais como jogos de contracenação, consciência espacial, criatividade e espontaneidade; exercícios de desinibição, posicionamento diante da câmera; interpretação de textos; tipos de enquadramentos e eixo. A cena gravada no final do curso será avaliada por profissionais atuantes no mercado de TV e cinema.

(Nível Intemediário)
_Cinema e TV
(a partir de 14 anos) com Joana Izabel e Vicente Schereder.
Curso avançado destinado aos alunos que já tenham experiência em interpretação, que sejam aprovados no teste de admissão para formação da turma. Durante as aulas serão realizados atividades que promovam o envolvimento do aluno com a obra estudada para a construção do personagem. O aluno terá a oportunidade de experimentar a interpretação de um mesmo personagem em momentos diferentes de uma única obra, permitindo assim que ele desenvolva uma visão mais abrangente do processo de atuação para o cinema. Serão desenvolvidos exercícios de interpretação e contracenação, análise da obra e do universo do personagem, estudo das intenções e ações do texto de cada cena que será interpretada. A cena gravada no final do curso será avaliada por profissionais atuantes no mercado de TV e cinema.

NÚCLEO E CIRCO:

Conceito: Formado pelos professores Mima Ponsi, Tainá Borges, Luciano Fernandes e Lucas Melo, esse núcleo visa difundir as artes circenses oferecendo cursos práticos de aéreos, acrobacias de solo e manipulação de objetos, assim como eventuais encontros e debates sobre o circo: a história, e o panorama do circo na contemporaneidade. Nesses cursos, propõe-se trabalhar buscando novas formas de se expressar com o corpo, estimulando assim, o processo de auto-revelação, procurando outras referências de comunicação e vivências através das técnicas circenses. Além disso, as noções de risco/segurança, equilíbrio/desequilíbrio, indivíduo/grupo são noções fundamentais no universo do circo, logo, são questões constantes no trabalho desse núcleo. Assim, esse trabalho visa desenvolver a concentração, a atenção, a disciplina, o contrôle e a superação do corpo, assim como explorar o contato físico com o grupo, a fim de desenvolver a consciência e o respeito pelo o outro, enfatizando os valores de fraternidade, igualdade, confiança, liberdade e compromisso.

_Curso de Trapézio – com Mima Ponsi (Adultos e Crianças)

_Curso de Trapézio para Adultos – com Mima Ponsi
Além do aprendizado do repertório das figuras clássicas do trapézio, tem-se como objetivo trabalhar a expressividade através da linguagem do trapézio no intuito de explorar as possibilidades de expressão no gesto acrobático. Esse trabalho propõe descobrir diferentes possibilidades de movimento no espaço aéreo, desenvolvendo a concentração, a atenção, o equilíbrio, o contrôle do tônus muscular e a percepção da estrutura do corpo. Assim, esse trabalho visa introduzir o aluno no universo criativo, facilitando a expressão e o desenvolvimento motor e sensorial. Essa pesquisa tem como referência a técnica do movimento sensorial (Método de Dani Bois) aplicada no trapézio segundo Zoé Maistre.

_Curso de Trapézio para Crianças – com Mima Ponsi
No espaço aéreo, a criança se encontra sobre um aparelho reduzido e móvel onde ela aprende a sustentar seu corpo diferentemente. Para explorar esse espaço, a criança descobre diferentes apoios sobre o trapézio que lhe permite mover-se suspensa, e isso requer uma atenção diferenciada onde ela descobre diferentes possibilidades de movimentação sobre o aparelho. Trata-se de uma descoberta que possibilita desenvolver o equilíbrio, os reflexos e a vigilância corporal. Com isso, o aluno é estimulado a explorar os movimentos buscando suas afinidades e sua expressão própria através de seu imaginário e sua destreza.

_Oficina de Dança Aérea – Tecido – com TAINÁ BORGES – (Nível: iniciantes) – à partir de 15 anos.
A Oficina de Dança Aérea – acrobacias aéreas, busca integrar a proposta de uma atividade física, com responsabilidade e segurança, de maneira artística e lúdica. Propõe um condicionamento para a prática acrobática, oferecendo uma aproximação com elementos aéreos (tecidos), através da preparação corporal e respeitando os limites físicos de cada um. A aula também busca um caráter coreográfico, ou seja, os exercícios apresentam-se como pequenas seqüências com fluxo, a fim de desenvolver a expressividade, ritmo, resistência, mobilidade e raciocínio lógico, dando novos sentidos aos movimentos acrobáticos.

_Acrobacia – com Lucas de Melo – (todos os níveis)
Um dos principais objetivos dessa oficina é proporcionar saúde e bem estar; possibilitando maior agilidade, domínio corporal, desabrochando habilidades e potencialidades adormecidas. Conhecer o próprio corpo e com ele viver a arte do movimento é a meta a ser alcançada durante as aulas. Assim, faz-se importante conhecer e respeitar os próprios limites de seu corpo, lembrando do risco desta modalidade. Superar seus próprios limites, dentro do respeito ao ritmo individual de cada um é uma meta a se alcançar. Cuidado, disciplina, paciência, concentração, destreza corpórea, confiança e perseverança devem estar presentes sempre.

_Descobertas das Artes Circenses – Manipulação de Objetos com Luciano Fernandes – (Nível: iniciantes)
Um dos objetivos desta oficina é o de promover hábitos saudáveis iniciando o aluno na prática das artes circenses. Embora a técnica do malabares seja tradicionalmente parte da linguagem do circo, na atualidade esta atividade vem sendo realizada com os mais diversos objetivos (recreativo, educativo, artístico, social, etc.) e tendo um amplo desenvolvimento e inserção na sociedade brasileira. Desenvolver técnicas de manipulação de objetos (bolas, claves, aros) trabalhar o teatro de rua com a sua ampliação das figuras através das pernas-de-pau e criar números em grupos ou individualmente também são objetivos dessa oficina.

PROJETO ARTISTA VISITANTE:

_Dramaturgia do Corpo – com Eduardo Okamoto.
A oficina apresenta a criação teatral a partir do corpo do ator em ação. Apresenta estímulos para a dramaturgia do ator. Treinamento psicofísico; criação de repertórios físico-vocais; a ação como material; seleção e combinação de materiais. Os exercícios apresentados durante o trabalho procuram sintetizar procedimentos utilizados por Eduardo Okamoto na criação dos espetáculos “Agora e na hora de nossa hora” e “Eldorado”.

Público Alvo: Atores e bailarinos amadores e profissionais, estudantes de artes, interessados em reconhecer o corpo como instrumento de expressão. Eduardo Okamoto foi contemplado com o prêmio Myriam Muniz e está circulando por capitais brasileiras com espetáculos e Workshops. Okamoto é Mestre e Doutor em Artes Cênicas pela Unicamp, é orientador do LUME.

Apresentou-se em diversos Festivais do Brasil, onde recebeu inúmeros prêmios. No exterior se apresentou em 5 Festivais na Espanha, Suíça, Marrocos (Melhor Ator) etc. Autor do Livro “Hora de Nossa Hora”. (Foto Okamoto: Divulgação).

(Foto: Divulgação)